1 Comment

  1. Anônimo
    10/07/2016 @ 00:04

    Super legal saber que nossa extensão territorial traz coisas boas mas também doenças tão diversas! Parabéns pelo texto! Os alemães devem ter gostado muito da apresentação. Bjs M

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *